Ungewohnt – Bauwagen, Smarthome oder Boot? [Inusitado – reboque de construção, smarthome ou barco?]

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
https://www.youtube.com/watch?v=naJ6km0XkhU
Assista a este documentário com legendas em alemão! As legendas alemãs não são geradas automaticamente! Trata-se de legenda em alemão verdadeira! Assistir a documentários alemães ‘e a melhor maneira para melhorar seu Hörverstehen!

Documentário alemão com legenda

Conteúdo em alemão

Die meisten Deutschen – knapp 60 Prozent – leben in Mietwohnungen, die anderen sind Eigentümer. Alternative Wohnformen wie die von Jens Frohlke und Kim Burmeister werden von solchen Statistiken allerdings gar nicht erfasst.

Jens Frohlke lebt als Aussteiger in einem umgebauten Bauwagen tief im Wald. Vor zwei Jahren ist Jens ohne Geld quer durch Deutschland gewandert. Nach seiner Rückkehr arbeitet er nur noch dann in seinem Buchladen, wenn er Lust dazu hat. Die meiste Zeit verbringt er im Wald.

Kim Burmeister lebt seit kurzem auf ihrer eigenen Segelyacht. Kim liebt das Segeln und auf dem Wasser zu leben, war schon immer ihr Traum.

Mark Happe hat seinen Neubau als „Smart Home“ konzeptioniert. Installationen wie die automatische Lichtsteuerung gehören bei Mark und seiner Familie natürlich zum Standard. Aber ihr Haus ist noch weit mehr automatisiert. So heizt etwa die überschüssige Energie aus der Photovoltaik-Anlage auf dem Dach das riesige Aquarium. Natürlich lässt sich alles in seinem Haus per Fernbedienung steuern.

Das „Mach mal…!“ Team hat Jens, Kim und Mark in ihren ungewöhnlichen Unterkünften besucht und Einblicke in ihre Motivation bekommen, so zu wohnen, wie sie es wollen.

Conteúdo em português

A maioria dos alemães – pouco menos de 60% – vive em apartamentos alugados, os outros são proprietários. Contudo, formas alternativas de vida como a de Jens Frohlke e Kim Burmeister não são sequer cobertas por tais estatísticas. Jens Frohlke vive como um desertor num reboque de construção convertido nas profundezas da floresta. Há dois anos, Jens vagueou pela Alemanha sem dinheiro nenhum. Após o seu regresso, só trabalha na sua livraria quando lhe apetece. Passa a maior parte do tempo na floresta. Kim Burmeister começou recentemente a viver no seu próprio iate à vela. Kim adora velejar e viver na água sempre foi o seu sonho. Mark Happe conceptualizou a sua nova construção como uma “casa inteligente”. Instalações como o controlo automático da iluminação são, evidentemente, padrão para Mark e a sua família. Mas a sua casa é ainda mais automatizada. Por exemplo, a energia excedente do sistema fotovoltaico no telhado aquece o enorme aquário. Claro, tudo na sua casa pode ser controlado por controlo remoto. O “Mach mal…! A equipa visitou Jens, Kim e Mark nos seus alojamentos invulgares e ganhou conhecimentos sobre a sua motivação para viverem da forma que desejam.

Tradução automática do resumo feita por www.deepl.com! Se você encontrar um erro, escreva um comentário ou envie-me uma mensagem por WhatsApp ou um e-mail!

Johannes

Johannes

Escreva um comentário

Sumário

Cadastre-se no Newsletter

* obrigatório

Quando você estiver inscrito no Newsletter, você não vai perder nenhuma novidade!

Start a Conversation

Hi! Click one of our member below to chat on Whatsapp

Suporte técnico

Suporte técnico

Suporte técnico - mande uma mensagem!

online

Tempo limitado!

Todos os cursos com 25% de desconto!