Declinações em alemão: os falantes nativos declinam tudo certinho?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Não são poucos os estrangeiros que enfrentam problemas para acertar as declinações em alemão

Mas será que os alemães nativos também não comentem erros em seu dia a dia quando o assunto é declinações em alemão?

Eu falando sobre os erros dos alemães, mas eu também cometi um no vídeo rs! É standardsprachlich (com d) Só percebi depois da edição

Fora da regra: “Komm bei mich”, “Ick liebe dir”, etc.,

Vejamos na aula de hoje quais são as maiores dificuldades no quesito declinações em alemão que até mesmo os falantes nativos enfrentam. Embora esta seja uma dificuldade normalmente enfrentada por estudantes estrangeiros do idioma alemão, muitos falantes nativos acabam cometendo “erros” principalmente na linguagem falada que não fazem parte da norma culta. Isso ocorre de uma maneira não muito diferente do que os brasileiros enfrentam no dia a dia, muitas vezes utilizando expressões “erradas” (melhor: fora do padrão) que fogem às regras gramaticais que aprenderam na escola.
Hoje vamos aprender alguns dos “erros” mais comuns que os alemães nativos cometem quando falam.

Obs.: É um vídeo bem sincero, pois também cometi um erro no vídeo rs: standardsprachlich (com d está correto)! Só percebi depois da edição! Desculpe!

Na Alemanha inteira

“ein” em vez de “einen”

Ich esse einen Apfel.
Eu como uma maçã.

Nicht standardsprachlich: Ich esse ein Apfel.

Ich esse den Apfel.
Eu como a maçã.

Ich kenne einen Mann.
Eu conheço um homem.

Nicht standardsprachlich: Ich kenne ein Mann.

“niemand” vs. “niemanden” (não mais considerado erro!)

Ich kenne niemanden.
Eu não conheço ninguém.

Nicht standardsprachlich: Ich kenne niemand
(Obs. (2021): não mais considerado “erro”!)

“jemand” vs. “jemanden” (não mais considerado erro!)

Ich kenne jemanden.
Eu conheço alguém.

Nicht standardsprachlich: Ich kenne jemand.
(Obs. (2021): não mais considerado “erro”!)

Ich kenne den Mann.
Eu conheço o homem.

“Ende diesen Jahres” vs. “Ende dieses Jahres”

Am Ende dieses Jahres
No fim desse ano.

Nicht standardsprachlich: Am Ende diesen Jahres
(Obs. (2021): não mais considerado “erro”!)

Em grade parte regionalismo

“dir” vs. “dich”

Ich liebe dich
Eu te amo

Berlin: Icke liebe dir

“bei mich” vs. “zu mir”

Komm mal zu mir!
Venha para mim!

Franken: Geh mal bei mich!

“dem sei(ne)” vs. “dessen”

Kennst du den Mann, dessen Frau hier wohnt?
Você conhece o homem cuja esposa mora aqui?

Bayern: Kennst du den Mann, dem sei Frau hier wohnt?

“der ihr(n)” vs. “deren”

Kennst du die Frau, deren Mann hier wohnt?
Você conhece a mulher cujo marido mora aqui?

Bayern: Kennst du die Frau, der ihrn Mann hier wohnt?

“wo” como pronome relativo

Ich kenne den Mann, der hier wohnt.
Eu conheço o homem que mora aqui.

Süddeutschland: Ich kenne den Mann, wo hier wohnt.

Ich kenne die Frau, die hier wohnt.
Eu conheço a mulher que mora aqui.

Süddeutschland: Ich kenne die Frau, wo hier wohnt.

Wie viel kostet das Auto, das hier steht?
Quanto custa o carro que está aqui?

Süddeutschland: Wie viel kostet das Auto, wo hier steht?

Das ist der Mann, der seine Frau liebt.
Esse é o homem que ama a sua esposa.

Süddeutschland: Das ist der Mann, der wo seine Frau liebt.

Dativo vs. genitivo (toda a Alemanha, mas mais no sul)

“wegen meinem” vs. “wegen meines”

Wegen meines Mannes bleibe ich hier.
Por causa do meu marido, eu fico aqui.

Süddeutschland: Wegen meinem Mann bleibe ich hier.

“wegen dir” vs. “deinetwegen”

Deinetwegen bleibe ich hier. (182.000)
Por a tua causa, eu fico aqui.

Nicht standardsprachlich: Wegen dir bleibe ich hier. (391.000)
Por causa de você, fico aqui.

Seinetwegen bleibe ich hier.
Por a sua causa, eu fico aqui.

Nicht standardsprachlich: Wegen ihm bleibe ich hier.
Por causa dele, eu fico aqui.

Difícil para todo mundo

auf etwas beharren/bestehen

Ich beharre auf meinem Recht.
Eu insisto no meu direito.

Nicht standardsprachlich: Ich beharre auf mein Recht.
Eu insisto no meu direito.

Ich bestehe auf meinem Recht.
Eu insisto no meu direito.

Ich bestehe auf mein Recht.
Eu exijo o meu direito.

“sie” vs. “ihr”

Er hat sie auf den Fuß getreten.
Ele a pisou no pé.
Ele pisou no pé dela.

Er hat ihr auf den Fuß getreten.
Ele lhe pisou no pé.
Ele pisou no pé dela.

Ich lehre sie die deutsche Grammatik.
Eu os ensino a gramática alemã.

Ich lehre ihnen die deutsche Grammatik.
Eu lhes ensino a gramática alemã.

O Sorriso de Mona Lisa

“In einer Welt, die ihnen vorschrieb, wie man lebt, lehrte sie ihnen, wie man denkt.”
„Em um mundo que lhes prescrevia como se vivia, ela lhes ensinava como se pensava.“
“In einer Welt, die ihnen vorschrieb, wie man lebt, lehrte sie sie, wie man denkt”
„Em um mundo que lhes prescrevia como se vivia, ela os ensinava como se pensava.“

n-Deklination

Der Präsident ist hier.
O presidente está aqui.

Ich kenne den Präsidenten.
Eu conheço o presidente.

Nicht standardsprachlich: Ich kenne den Präsident.

Die Firma gibt dem Präsidenten Schmiergeld.
A empresa dá propina ao presidente.

Nicht standardsprachlich: Die Firma gibt dem Präsident Schmiergeld.

Das ist das Buch von dem Präsidenten.
Esse é o livro do presidente.

Nicht standardsprachlich: Das ist das Buch von dem Präsident.

Das ist das Buch des Präsidenten.
Esse é o livro do presidente.

Exercícios gratuitos

21/01/2021- Dialetos/Variações regionais/Gírias

Faça o login para mais exercícios!

Quer uma conta? Cadastre-se aqui! É gratuito!

Em breve, haverá exercícios exclusivos aqui!
Johannes

Johannes

Escreva um comentário

Sumário

Cadastre-se no Newsletter

* obrigatório

Quando você estiver inscrito no Newsletter, você não vai perder nenhuma novidade!

Start a Conversation

Hi! Click one of our member below to chat on Whatsapp

Suporte técnico

Suporte técnico

Suporte técnico - mande uma mensagem!

online

Tempo limitado!

Todos os cursos com 25% de desconto!